NOTÍCIAS E PUBLICAÇÕES

Patentes em Inteligência Artificial: Um Panorama dos dados publicados na 7ª edição do Relatório Anual sobre Inteligência Artificial

por , | May 22, 2024 | Client Alert, Patentes, Tecnologia, Privacidade e Proteção de Dados

No início de 2024, a Universidade de Stanford, por meio do seu instituto Human-Centered Artificial Intelligence, publicou a 7ª edição do Relatório Anual sobre Inteligência Artificial (“Artificial Intelligence Index Report 2024“). O relatório apresenta dados e oferece uma compreensão profunda do estado atual dessa tecnologia, destacando sua crescente influência na sociedade. Em particular, os dados sobre publicações de documentos relacionados à IA são impressionantes.

A Figura 1.1.1 exibe a contagem global de publicações sobre IA em língua inglesa. Entre 2010 e 2022, o número total de publicações sobre IA quase triplicou, passando de aproximadamente 88.000 em 2010 para mais de 240.000 em 2022. A Figura 1.1.2 ilustra a distribuição dos tipos de publicação de IA ao longo do tempo. Em 2022, cerca de 230.000 artigos sobre IA foram publicados em revistas científicas, enquanto cerca de 42.000 publicações foram feitas em conferências.

Em uma seção dedicada a publicações de patentes, o relatório examina as tendências ao longo do tempo nas patentes globais de IA, que podem revelar insights importantes sobre a evolução da inovaçãopesquisa e desenvolvimento dentro da IA.

A Figura 1.2.1 mostra o crescimento global das patentes de IA concedidas entre 2010 e 2022. Ao longo da última década, registou-se um aumento significativo no número de patentes de IA, com um aumento particularmente acentuado nos últimos anos. Entre 2010 e 2014, o crescimento total das patentes de IA concedidas foi de 56,1%. No entanto, somente de 2021 a 2022, o número de patentes concedidas de IA aumentou 62,7%.

A Figura 1.2.2 compara patentes globais de IA por status do pedido. Em 2022, o número de patentes de IA pendentes (128.952) foi mais do dobro do montante concedido (62.264), totalizando cerca de 191.200 mil documentos de patentes naquele ano.

Ou seja, em 2022, considerando o total de publicações sobre IA e patentes de IA (240.000 + 191.200), os documentos de patentes já correspondem a quase 45% desse montante, apontando o valor e a magnitude das informações e conhecimento técnico revelados nestes documentos.
Outro ponto que vale ser destacado: ainda que a taxa de concessão esteja aumentando substancialmente a cada ano, a quantidade de novos pedidos aumenta em um ritmo ainda maior, indicando a quantidade de novas invenções relacionadas a IA sendo desenvolvidas ano a ano.

Ao analisar a repartição regional, as Figuras 1.2.4 e 1.2.5 mostram que, em 2022, a maior parte das patentes de IA concedidas no mundo (75,2%) originou-se do Leste Asiático e Pacífico, principalmente na China, com a América do Norte, majoritariamente nos Estados Unidos, sendo o segundo maior contribuinte, com 21,2%. Até 2011, a América do Norte liderava em número de patentes globais de IA, no entanto houve uma mudança significativa no sentido de uma proporção crescente de patentes de IA originárias na Ásia Oriental.

Como visto, o relatório “Artificial Intelligence Index Report 2024” oferece uma visão abrangente do estado da tecnologia de IA até 2022. Os dados coletados revelam um crescimento impressionante nas publicações relacionadas à IA na última década. Além disso, o relatório apresenta as tendências nas patentes globais de IA mostrando um aumento significativo no número de patentes concedidas nos últimos anos. A expressiva participação de documentos de patentes nas publicações totais sobre IA comprova o valor e a relevância das informações e do conhecimento técnico contidos nesses documentos para a tecnologia.

Artigos Relacionados

Uruguai adere ao PCT

Informamos que a Câmara dos Deputados do Uruguai aprovou o Tratado de Cooperação em Matéria de Patentes (PCT) em 4 de junho de 2024. Ressaltamos que foi incluída uma reserva relacionada ao Capítulo II: Exame Preliminar Internacional. O próximo passo é a análise e...

read more

Assine nossa newsletter

Concordo